Os Últimos Dias
de Glória
O que é RPG
Página Principal
A Comitiva da Fé
Definição
Histórias
Última História
Personagens
Jogadores
Galeria de Arte
Diversos
Forgotten Realms
 Definição
 Geografia 
 Divindades
 O Mundo
 Organizações
 Personagens
Artigos
 Galeria
Suplementos
Autores
Site
 Matérias
 Downloads
 Notícias
 Parceiros
Links
 Sobre o Site
 Glossário
 Créditos
Mensagens Arcanas
E-mail


powered by FreeFind

Coletânea dos Reinos
 
O Último Consorte de Alustriel, Parte Três
III: Espada Flexível, Mãos Ocupadas
Por Ed Greenwood
Tradução por Júlio César Borges.


Embora Taern, Laeral, e os filhos de Alustriel estejam satisfieitos com a despretenciosidade de Larlake, eles e os Harpistas permanecem interessados na sua influência com a Alta Senhora.

Larlake assumiu o seu papel de protetor secreto, e parece ser alguém que ela tolera com deleite afetuoso mais que qualquer outra coisa, mas ele também prontamente se tornou um tipo de espião dos diplomatas, e de grupos locais influentes, das outras cidades das Fronteiras Prateadas. Espada Flexível se reporta continuamente a ela no que consegue entender em suas opiniões pessoais e intenções, assim ela pode julgar melhor o que eles irão deliberar posteriormente na Confederação. Os Harpistas e os próprios arautos de confianças de Alustriel fazem a mesma coisa, claro que, estão profundamente interessados em qual "intenção" Larlake tem no que ele manifesta como amor (e assim tentam saber o que ele sente).

Ele não diz nada a eles, mas não reclama ou tenta impedir suas magias de leitura da mente, às quais tem se submetido em demasia:

Larlake não está tentando influenciar Alustriel em alguma direção, ao contrário, quer muni-la com toda a informação verdadeira que conseguir sobre os seus colegas governantes e seus cidadãos mais importantes. Ele acredita (e contou mais alguma coisa para Alustriel) que o Rei Harbromm quer ser imperador de um reino do norte muito em breve, antes que seja tarde, e irá subjugar a Confederação para tomar o Trono Prateado sem hesitação. Larlake acredita que isto será um desastre, porque Harbromm almeja mergulhar em guerras mortais para uma "limpeza" dos orcs ignorando a necessidade de "fracos" protetorados. Como o Rei da Cidadela Adbar vê o futuro, uma vez que todos os últimos monstros que surgiram foram exterminados, podem ser construídas estradas realmente boas, os selvagens planaltos Dessarin organizados, e toda a pedra preciosa e riquezas minerais saídas do Salão de Mitral e Mirabar terão que passar pelo seu novo reino (se ele deixar Luskan sozinha permanecer como "o inimigo" então o povo tão obediente à lei evitará os usar como um porto, e se ele negligencia Inverno Remoto , o comércio fluirá para cima e para baixo dos vales Dessarin e Delimbiyr).

Larlake pensa que o Senhor Helm e o Rei Coroa de Guerra podem ser guiados por Harbromm em construir um anfitrião armado para as Fronteiras que provará ser sua destruição quando eles inevitavelmente romperem com Harbromm em seus grandiosos planos (que Rei Martelo de Batalha, o Alto Mago Taern, e o Alto Marechal Aerasumé irão, é claro, também se opor). Nos olhos de Larlake, o Primeiro Elder de Maranheterna é um bobo perigoso - perigoso porque ele já é uma ferramenta de Harbromm, incitado em provocar disputas com a oposição de Harbromm no Conselho sempre que o Rei da Cidadela Adbar quer que ele o faça assim -- e um absoluto incompetente. O Espada Flexível pensa que se morte a ocorresse tanto a Harbromm ou ao Primeiro Elder de Moorwalker amanhã, as Fronteiras estariam mais seguras e mais fortes no presente (não importa que confusão sucedesse).

O quanto Larlake pode informar, Alustriel já sabia bem tudo isso antes de sua chegada em Lua Argêntea, e o dá boas-vindas como alguém de visões semelhantes com quem ela pode se comiserar. Ela o valoriza mais como um amigo e um amante, porque ela precisa de intimidade - não apenas por prazer carnal, mas mutualismo e momentos de compartilhamento silencioso, como também alguém para sorrir junto quando ela deixa seus guardas caídos e abobalhados (ela pode fazer imitações devastadoras sobre muitos Argenteanos, e todos seus companheiros membros do Conselho).

Ele gosta de amizades simples com a maioria dos filhos de Alustriel (que são todos, claro, resultados na natureza amável de Alustriel) porque eles sabem e entendem as necessidades dela, mas não pode, como parentes, satisfazerem todos eles --e porque Larlake nunca lhes mostrou um indício de se considerar "acima" deles, ou até mesmo digno de ser o consorte da mãe deles. Larlake não parece ter algum orgulho pessoal, e muito raramente mostra qualquer raiva além de comentários cínicos sobre aqueles que ele não gosta ou comportamento que ele considera como egoísta, tolo, ou prejudicial.

Os próprios interesses dele parecem incluir o de tentar aprender quem está tentando contrariar ou se posicionar para a supremacia futura no reino que Alustriel está tentando moldar, observando quem está prosperando em o quê nas Fronteiras, e (além de advertir abertamente os Harpistas, Alustriel, Taern, e os filhos de Alustriel sobre eventos e intrigas) manipulando sutilmente as diversas pessoas para apoiarem o governo de Alustriel e agir contra aqueles que não o fazem. As suas ferramentas principais em tal controle são o comentário sutilmente distorcido, o rumor privilegiado, e esporadicamente simples magias de ilusão que mostram a um cético algo que abale suas opiniões.

Ainda, para alguns, Larlake parece um homem dissimulado; como um Harpista perguntou a outro recentemente: "Quem é ele, realmente?"

Leia mais sobre o passado de Larlake na quarta parte deste artigo!



Sobre o Autor

Ed Greenwood é o homem que lançou os Reinos Esquecidos em um mundo que não os esperava. Ele trabalha em bibliotecas, escreve fantasia, ficção científica, terror, mistério e até estórias de romance (às vezes coloca tudo isto em um mesmo livro), mas está ainda mais feliz escrevendo Conhecimento dos Reinos, Conhecimento dos Reinos e mais Conhecimento dos Reinos. Ainda existem alguns quartos em sua casa com espaço para empilhar seus escritos.

Os Últimos Dias de Glória © Todos os direitos reservados 2004 - Forgotten Realms™ e seus personagens são marcas registradas da Wizards of The Coast Inc.
This page is a fan site and is not produced or endorsed by Wizards of the Coast. Forgotten Realms is a registered trademark of Wizards of the Coast, Inc.