Os Últimos Dias
de Glória
O que é RPG
Página Principal
A Comitiva da Fé
Definição
Histórias
Última História
Personagens
Jogadores
Galeria de Arte
Diversos
Forgotten Realms
 Definição
 Geografia 
 Divindades
 O Mundo
 Organizações
 Personagens
Artigos
 Galeria
Suplementos
Autores
Site
 Matérias
 Downloads
 Notícias
 Parceiros
Links
 Sobre o Site
 Glossário
 Créditos
Mensagens Arcanas
E-mail


powered by FreeFind

Regras de Jogo
 
Criando Itens Mágicos, Parte Três

por Skip Williams

Traduzido por Patrick Pires; revisado por Daniel Bartolomei Vieira.


Agora que nós já examinamos o processo de criação de pergaminhos e poções, podemos considerar o caso de alguns itens ligeiramente mais complicados – varinhas e cajados.

Criando Varinhas

Varinhas não são itens tão complexos; elas simplesmente armazenam uma única magia 50 vezes. Para propósitos de jogo, uma varinha é algo como 50 pergaminhos idênticos, cada um aguardando sua vez de ser ativado. Uma magia armazenada numa varinha deve ser de 4o nível ou menor, mas pode ser uma magia de qualquer tipo.

Pré-requisitos: Para criar uma varinha, você precisará do talento de criação de itens Criar Varinhas (o próprio talento já tem como pré-requisito a exigência de 5º nível de conjurador). O criador deve também ter preparado a magia a ser armazenada na varinha (ou conhecê-la, caso seja um feiticeiro ou bardo). Veja também os detalhes do Nível de Conjurador.

Nível de Conjurador: Um personagem que cria uma varinha pode selecionar o nível de conjurador para o item entre o nível mínimo de conjurador que o personagem precisa ter para conjurar a magia até o nível de conjurador que o personagem tenha quando conjurá-la na varinha. Por exemplo, um mago de 10º nível cria uma varinha de bola de fogo. Bola de fogo é uma magia de 3º nível para um mago, e um mago deve ser de pelo menos 5º nível para conjurá-la, portanto o mago deste exemplo deve criar a varinha com um mínimo de 5º nível de conjurador. Já que o exemplo considera um mago de 10º nível, a varinha não pode ter um nível de conjurador maior do que 10.

Equipamentos e Materiais: Criar uma varinha exige uma vareta e uma miscelânea de esquisitices que servem para focar a magia na varinha e mantê-la lá. Tais componentes poderiam incluir prismas, revestimentos caros para a própria varinha, pós para conservar o item, e outros componentes que serão consumidos no processo de criação e incorporados à varinha.

Preço Base: Você poderá checar o preço base da maioria das varinhas no Capítulo 7 do Livro do Mestre, mas ainda é mais fácil usar a fórmula de preço para os itens de ativação por gatilho com 50 cargas da Tabela 7-33 do Livro do Mestre: nível da magia x nível de conjurador x 750 PO.

Custo de Criação: O custo monetário para criar uma varinha é metade de seu preço base, mais 50 vezes o custo por quaisquer componentes materiais caros exigidos (bem como um pergaminho, exceto o fato de ter de pagar o custo 50 vezes pelas 50 cargas da varinha).

O custo de experiência para criar uma varinha é de 1/25 do preço base, mais 50 vezes o custo por quaisquer componentes de experiência que a magia armazenada na varinha tenha.

Preço de Mercado: O preço de mercado de uma varinha é o mesmo que seu preço base, mais 50 vezes o custo por quaisquer componentes materiais caros que a magia exija. Caso a magia na varinha exija um custo extra em XP, o preço de mercado aumenta em 5 PO por ponto gasto, vezes 50.

Exemplo de Custo de Varinha: Suponha que o mago de 10º nível dos exemplos anteriores crie uma varinha de bolas de fogo ou uma varinha de pele rochosa. O custo de criação e os preços de mercado das varinhas serão:

Uma varinha de bolas de fogo que tenha 5º nível de conjurador terá o preço base de 11.250 PO (3 x 5 x 750). O custo em peças de ouro para criar a varinha será 5.625 PO (1/2 do preço base de 11.250 PO). O custo em pontos de experiência para criar a varinha é de 450 XP (1/25 do preço base de 11.250 PO). O preço de mercado da varinha é o mesmo que seu preço base.

Uma varinha de bolas de fogo que tenha 10º nível de conjurador terá o preço base de 22.500 PO (3 x 10 x 750). O custo em peças de ouro para criar a varinha será 11.250 PO (1/2 do preço base de 22.500 PO). O custo em pontos de experiência para criar a varinha é de 900 XP (1/25 do preço base de 22.500 PO). O preço de mercado da varinha é o mesmo que seu preço base.

Uma varinha de pele rochosa que tenha 10º nível de conjurador terá o preço base de 30.000 PO (4 x 10 x 750). O custo em peças de ouro para criar a varinha será 27.500 PO (1/2 do preço base de 30.000 PO mais 50 vezes o custo do componente da magia que é 250 PO). O custo em pontos de experiência para criar a varinha é de 1.200 XP (1/25 do preço base de 30.000 PO). O preço de mercado da varinha é 42.500 PO (o preço base da varinha que é 30.000 PO mais 12.500 PO pelos componentes materiais caros).

Miscelânea de Varinha: Todos os preços aqui descritos são para uma varinha completamente carregada (50 cargas). Como descrito no Livro do Mestre, uma varinha sempre terá 50 cargas quando criada – não é possível criar uma varinha com menos cargas do que o máximo. Uma varinha usada, porém, pode ser vendida por menor valor. Para calcular o preço, divida o custo de uma varinha completamente carregada por 50 e multiplique isso pelo número de cargas remanescentes. Por exemplo, uma varinha de bolas de fogo com 10º nível de conjurador e 32 cargas restantes tem um custo de 450 PO por carga remanescente, ou seja, vale 14.400 PO.

Como descrito para os pergaminhos na Parte Dois desta série de artigos, some custos extras pelas magias numa varinha cada vez que esta puder ser utilizada, nesse caso 50 vezes, não mais que uma vez a cada dia que a criação da varinha levar. Isto é, um custo extra em peças de ouro para uma varinha vale 50 vezes o custo do componente da magia, e um custo extra de XP pela magia aumenta o preço de pontos de experiência para criar a varinha em 50 vezes o custo em XP da magia. O preço de mercado para uma varinha que armazene uma magia com um componente de experiência aumentaria 50 vezes o custo em XP, vezes 5 PO.

Criando Cajados

A criação de um cajado é ligeiramente mais confusa e intricada que a criação de varinhas porque um cajado armazena múltiplas magias. Um cajado pode conter uma magia de qualquer nível. Cajados contêm 50 cargas, e a ativação de um cajado libera um efeito e gasta uma ou mais cargas.

Pré-requisitos: Para criar qualquer cajado, você precisará do talento de criação de itens Criar Cajados (o próprio talento já tem como pré-requisito a exigência do 12o nível de conjurador). O criador deve também ter preparado a magia a ser armazenada no cajado (ou conhecê-la, caso seja um feiticeiro ou bardo). Uns poucos cajados têm outros pré-requisitos; exemplo, você deve ter uma tendência leal para fabricar um cajado da defesa. Veja também os detalhes do Nível de Conjurador.

Nível de Conjurador: Selecionar o nível de conjurador para a fabricação de um cajado é muito parecido com a escolha de nível de uma varinha, mas existem uns poucos embaraços. Um cajado terá um nível de conjurador para cada uma das magias que ele possa conjurar, e este nível deve ser pelo menos 8º. Como uma varinha, entretanto, o nível de conjurador deve ser tão alto quanto o nível que o criador necessita para conjurar quaisquer magias armazenadas no cajado, e que não seja mais alto que o próprio nível de conjurador do mesmo. Exemplo, supondo um cajado que produzir muitos efeitos diferentes, incluindo sono e sugestão em massa. Um mago de 1º nível pode conjurar a magia sono, mas nenhum cajado possui nível de conjurador menor do que 8. além disso, sugestão em massa é uma magia de 6º nível para um mago, portanto o cajado tem de possuir um nível de conjurador de pelo menos 11.

Equipamentos e Materiais: De acordo com a Tabela 7-32 do Livro do Mestre, criar um cajado exige um bordão obra-prima, mas a descrição geral para a criação de cajados na página 285 assume que o custo do cajado está incluso no custo para criar o item. As 300 PO extras por um bordão não parecem estar inclusas no preço do cajado mostrado nas páginas 243 a 245 no Livro do Mestre. Caso você permita que o cajado mágico funcione como um bordão obra-prima na sua campanha, você deverá incluir o custo do bordão obra-prima no custo para criar o cajado (e para seu preço de mercado).

Em qualquer caso, criar um cajado exige a mesma miscelânea de materiais esotéricos exigidos para criar uma varinha.

Preço Base: Você pode determinar o preço base de um cajado de forma muito semelhante ao método determinante do preço base da varinha, mas há alguns embaraços aqui, também. Graças a cada efeito mágico do cajado extraídos da mesma fonte de cargas, você não terá de pagar o preço total por cada uma delas. No lugar disso, a magia de nível mais alto do cajado terá o preço base completo (nível da magia x nível de conjurador x 750 PO).

A próxima magia de nível mais alto do cajado custa apenas 75% do preço base comum (nível da magia x nível de conjurador x 750 PO x 0,75).

Todas as magias restantes no cajado custam apenas 50% do preço base comum (nível de magia x nível de conjurador x 750 PO x 0,5).

Reduções adicionais no preço base são possíveis. Quando a magia exige duas ou mais cargas, divida o preço base pelo número de cargas exigidas.

Custo de Criação: O custo monetário para criar um cajado é metade de seu preço base, bem como o preço da varinha. Caso o cajado armazene uma magia que tenha um componente material caro, adicione o custo desse componente, vezes o número máximo de vezes que o cajado possa produzir o efeito dessa magia. Isto é, 50 dividido pelo número de cargas que a magia exija.

O custo de experiência para criar um cajado é de 1/25 o preço base, mais quaisquer custos extras pelas magias que o cajado armazene. Aplique o custo extra de experiência de acordo com o número de vezes que o cajado possa produzir a magia, como descrito anteriormente para os componentes custosos da magia. Caso o cajado contenha duas ou mais magias as quais contribuam para custos extras, aplique apenas o maior custo extra. Você apenas pode usar o custo mais alto porque quaisquer cargas utilizadas reduzem o número de magias restantes no cajado, até mesmo quando as magias produzidas pelo cajado não tiverem custo extra.

Preço de Mercado: O preço de mercado de um cajado é seu preço base, mais seus custos por quaisquer componentes materiais caros que as magias exijam. Caso quaisquer das magias no cajado também exijam um custo extra de XP, o preço de mercado aumenta em 5 PO por ponto gasto. Em ambos os casos, o preço de mercado aumenta de acordo com o número de vezes as quais o cajado possa produzir magias que exijam outros elementos. Caso você tenha duas ou mais magias com um custo extra em XP ou em custo monetário, você aumentaria o custo para criar ou o custo de mercado para quaisquer magias usadas para escolher o preço de criação do cajado (que será o preço extra mais alto, veja a seção de Custos de Criação).

Exemplo de Custos de Cajado: O cajado do frio do Livro do Mestre pertence ao 10º nível de conjurador e pode produzir os seguintes efeitos: tempestade glacial, muralha de gelo e cone glacial (2 cargas). O cajado tem um preço base de 56.250 PO, que foi calculado como se segue:

Cone Glacial: 18.750 PO ([5 x 10 x 750] x 0,5 pelas duas cargas). Dado que o cone glacial é também o efeito de nível mais alto, não existem descontos maiores.

Muralha de Gelo: 22.500 PO ([4 x 10 x 750] x 0.75 pois este é o poder de segundo nível mais alto).

Tempestade Glacial: 15.000 PO ([4 x 10 x 750] x 0.5 pois este é um poder adicional).

Somando os custos base de cada um dos vários efeitos juntos, obtemos nosso valor total de: 18.750 PO + 22.500 PO + 15.000 PO = 56.250 PO.

O custo monetário para criar esse cajado é de metade do seu preço base: 28.125 PO.

O custo de experiência para criar esse cajado é de 1/25 do seu peço base: 2.250 XP.

Vamos supor que nós criaremos um novo cajado, o cajado do alívio. Nós daremos a esse cajado o 16º nível de conjurador, e os seguintes efeitos: restauração aprimorada (2 cargas), penitência (3 cargas), cancelar encantamento (2 cargas) e remover maldição. Este cajado terá um preço base de 83.498 PO, que foi calculado como segue:

Greater restoration: 27,998 gp ([7 x 16 x 750] x 0.3333 for three charges and rounded up to the nearest whole gold piece). Since greater restoration also is the highest level power, there are no further reductions. The staff can produce 25 atonement effects, for an extra experience cost of 12,500 XP. The staff also can produce 16 greater restoration effects at an XP cost 8,000, but we use the higher cost for the atonement effects.

Restauração Maior: 27.998 PO ([7 x 16 x 750] x 0,3333 pelas três cargas e arredondado para cima, para o valor mais próximo em peças de ouro). Dado que restauração aprimorada é também o efeito de mais alto nível, não existem descontos maiores.

Penitência: 22.500 PO ([5 x 16 x 750] x 0,5 pelas duas cargas e x 0,75 por o segundo efeito de nível mais alto).

Cancelar Encantamento: 15.000 PO ([5 x 16 x 750] x 0,5 pelas duas cargas e x 0,5 porque este é um efeito adicional).

Remover Maldição: 18.000 PO ([5 x 16 x 750] x 0,5, pois este também é um efeito adicional).

Somando os custos base de cada um dos vários efeitos juntos, obtemos nosso valor total de: 27.998 PO + 22.500 PO +15.000 PO +18.000 PO = 83.498 PO.

O custo monetário para criar este cajado é de metade do seu preço base, 41.749 PO.

O custo de experiência para criar este cajado é de 1/25 do seu preço base: 3.340 XP (também arredondado pra cima). Além disso, a magia penitência custa 500 XP do conjurador quando usada para remover os efeitos de ações voluntárias. O cajado pode produzir 25 efeitos de penitência, por cada custo extra de experiência dos 12.500 XP.

O preço de mercado é o preço base de 83.498 PO mais 5 vezes o custo extra de XP (62.500), resultando num preço total de mercado de 145.998 PO.

Como descrito para as varinhas, aplique um custo extra para os componentes materiais e de XP para a magia cada vez que o cajado possa produzir essa magia, mas não para cada dia que o criador gaste trabalhando no cajado.

Nenhum dos exemplos apresentados aqui inclui um preço extra de 300 PO por um bordão obra-prima. Como descrito anteriormente, deve-se somar esse preço extra no custo de criação do cajado e no preço de mercado caso você decida permitir que o bordão mágico funcione como uma arma em sua campanha.

Ao dar o preço a um cajado, não se preocupe caso muitos efeitos tiverem o mesmo nível. O efeito de nível mais alto sempre terá o preço total (a menos que exija múltiplas cargas). O próximo efeito de nível mais alto custa apenas 75% do valor básico, até mesmo se acontecer de esse efeito pertencer ao mesmo nível do efeito de nível mais alto que você tenha escolhido, e todos os efeitos restantes forem de apenas 50% do preço básico. Você pode ver este conceito de trabalho nos exemplos de preços apresentados aqui.

Cajado Miscelânea: Todos os preços aqui descritos são para um cajado completamente carregado (50 cargas), exatamente como as varinhas. Você pode calcular o preço de mercado de um cajado parcialmente carregado do mesmo modo que você calcularia o preço de uma varinha. Quando um cajado parcialmente carregado tiver um efeito que normalmente tenha um preço monetário extra ou um custo extra de XP, você deve calcular o preço base do cajado e então aumentar o custo extra de acordo com número de vezes que o cajado incompleto for capaz de produzir esses efeitos. Por exemplo, se nosso cajado do alívio tiver 24 cargas restantes, seu novo preço base seria 1.670 PO (o preço base dividido por 50 e arredondado para cima) vezes 24, ou seja, 40.080 PO. O cajado incompleto poderia produzir penitência 12 vezes, o que elevaria o preço em 30.000 PO (12 x 500 x 5 PO), totalizando 70.080 PO de preço de mercado.

A magia penitência tem um componente variável de XP. É possível criar um cajado do alívio sem um custo extra por experiência (veja a descrição de pergaminhos na Parte Dois desta série de artigos), mas, nesse caso, o efeito de penitência do cajado não lidaria com os efeitos das infrações.

Sobre como Arredondar Valores: Normalmente a pessoa arredonda frações para baixo do próximo número inteiro no D&D. No caso do preço dos itens mágicos, é comum manter uma fração de peças de ouro quando o certo é convertê-la em peças de prata. Então, por exemplo, caso um preço que resulte em 1.251,5 PO deveria ser 1.251 PO e 5 PP, e não 1.252 PO.

Lembre-se também que quando se calcula os efeitos de um preço extra, monetário ou de experiência, para um item com carga, deve-se usar o número de efeitos que o item pode realmente produzir; você deve arredondar para baixo. Por exemplo, 50/3 é 16,667 (aproximadamente); entretanto, você não pode usar frações de cargas para criar um efeito em fração, assim um cajado completo com um efeito que usa 3 cargas pode lançá-lo apenas 16 vezes.

Que Vem a Seguir?

Basta de varinhas e cajados. Na semana que vem, veremos o que envolve a criação de armas, armaduras e escudos mágicos.



Sobre o autor

Skip Williams se mantém ocupado com projetos individuais de várias companhias de jogos diferentes e foi trunfo da Dragon Magazine por 18 anos. Skip é um dos co-projetistas do jogo D&D 3° Edição e arquiteto chefe do Livro dos Monstros. Quando não está bolando mortes terríveis para os personagens de seus jogadores, Skip se queda em sua cozinha ou em seu jardim (coelhos e cervos não estão entre seus amigos) ou trabalha e aprimora a fazenda centenária que partilha com sua esposa, Penny, e uma crescente família de animais de estimação.

Os Últimos Dias de Glória © Todos os direitos reservados 2004 - Forgotten Realms™ e seus personagens são marcas registradas da Wizards of The Coast Inc.
This page is a fan site and is not produced or endorsed by Wizards of the Coast. Forgotten Realms is a registered trademark of Wizards of the Coast, Inc.