Os Últimos Dias
de Glória
O que é RPG
Página Principal
A Comitiva da Fé
Definição
Histórias
Última História
Personagens
Jogadores
Galeria de Arte
Diversos
Forgotten Realms
 Definição
 Geografia 
 Divindades
 O Mundo
 Organizações
 Personagens
Artigos
 Galeria
Suplementos
Autores
Site
 Matérias
 Downloads
 Notícias
 Parceiros
Links
 Sobre o Site
 Glossário
 Créditos
Mensagens Arcanas
E-mail


powered by FreeFind

Notas de Romance
 
Transcrição do chat: Os Mil Orcs
Apresentando R.A. Salvatore
Com participação especial de Thomas M. Reid
Traduzido por Sabrina Lattanzi.



Sexta, 22 de novembro de 2002

O texto seguinte sobre Os Mil Orcs de R. A Salvatore, o segundo livro da série das Lâminas do Caçador, foi transcrita de uma seção de chat comunitário online especial da Wizards of the Coast. Dê uma olhada nas perguntas que os fãs fizeram a R.A. Salvatore e veja as respostas dadas por ele!

Wizo_randal: Venha juntar-se a nós em um chat com o escritor R. A. Salvatore conforme ele responde suas perguntas sobre seu novo livro, Os Mil Orcs. Os Mil Orcs é o primeiro livro da nova trilogia Hunter's Blade (Lâminas do Caçador). A trilogia tem como destaque o famoso drow Drizzt Do’Urden, então prepare-se para muitos orcs e muito Drizzt! Prepare suas perguntas agora! Sr. Salvatore, gostaria de começar esse chat com alguns comentários?

Salvatore: Não, vamos direto às perguntas. Comentarei conforme for. Okay, deixe rolar!

Zeus1901: Você tem qualquer informação a respeito da série de TV dos Reinos Esquecidos pela empresa Fireworks do Canadá?

Salvatore: Não mesmo. Eu criei as séries para eles e estava esperando que entrassem em contato por agora, mas não ouvi nada. Espero que essa opção não tenha expirado.

Zeus1901: Nós também! Obrigado!

Marcusbespin: Você tira as idéias de seus livros das campanhas que joga?

Salvatore: Não normalmente, Marcus. Gosto de manter os livros e jogos separados. Eu realmente pego pedaços daqui e dali, na maior parte para os anões. Você entende, tenho alguns amigos que são realmente anões – mentalmente, claro.

Vali_darkwood: Quantos anos o Drizzt tem?

Salvatore: Hmmm, depende de qual linha do tempo estejamos usando. Por agora eu o colocaria entre 75 e 80. Na primeira edição de A Estilha de Cristal é dito que ele tinha por volta de duas centenas de anos, mas eu mudei isso quando escrevi a Trilogia do Elfo Negro.

Cathziel: Sr. Salvatore, gostaria de parabenizá-lo pela criação de um dos meus favoritos e mais memoráveis personagens. De onde você tira inspiração? O que o inspirou a começar a escrever e o que lhe dá a determinação de continuar? E podemos esperar algum meio-drowling de cabelo vermelho?

Salvatore: Primeiro de tudo, obrigado por suas palavras gentis. Eu realmente não sei de onde tiro minha inspiração – acho que os personagens são pedaços de pessoas que conheço, ou no caso do Drizzt, ele é quem eu gostaria de ser. Tolkien me inspirou a tentar escrever um livro de fantasia e eu continuo a fazer isso pois as pessoas parecem querer mais. Cara, é uma maneira maravilhosa de se ganhar a vida quando pessoas compram os livros! E a respeito dos drowlings... bem, teremos de ver como isso vai se desenvolver.

Cathziel: Não pare de escrever!

Thomas M. Reid: Estou muito ansioso pelo que está por vir com os quadrinhos CrossGen. Em algum ponto hoje, você pode nos dar o mais novo furo?

Salvatore: Ei, Thomas, e obrigado por perguntar! Perdoe se perdi seu chat. Mal posso esperar pela reação a Insurreição! Sim, os quadrinhos das Guerras do Demônio e a franquia estão ficando muito emocionantes. O primeiro quadrinho do mês pela CrossGen está chegando em algumas semanas – 4 de dezembro, eu acredito. Também, procure por um sistema de jogo d20 em Abril/Maio. O primeiro está lindo – a arte é de Ron Wagner. É muito emocionante para mim, ver outras pessoas trazendo meu mundo à vida! P.s. – agora sei como Ed Greenwood deve se sentir.

Asanrond: Alguma dica sobre o novo livro das Lâminas do Caçador?

Salvatore: Bem, Asanrond, o máximo que posso dizer é que a capa dos Mil Orcs se encaixaria melhor com a do Drow Solitário [o segundo livro da série]! Muitas lutas nesse – em larga escala e pessoais. Triunfos e tragédias. Até agora, estou realmente ansioso para onde vários personagens estão sendo levados. Veremos a guerra próxima ao Salão de Mitral e as lutas pessoais de Drizzt livres...

Asarond: Muito obrigado! Continue assim!

Grimmlokk: No site RASalvatore.com você mencionou que não estava impressionado com o Book of Vile Darkness (Livro da Escuridão Vil). Você acha que foi um erro da Wizards of the Coast lançar um livro como esse? Você acha que vai atiçar o fogo de quem acha que o D&D é um jogo maligno? Mais importante, você acha que isso dará crédito ao que essas pessoas dizem, para pessoas que podem não ter tido um problema com o D&D antes?

Salvatore: Que jeito de me colocar na corda bamba, Grimm!

Grimmlokk: Desculpe.

Salvatore: Não por mim, o que posso dizer? Gosto da idéia de manter o D&D familiar. Lembro-me das lutas de volta aos anos 80 e 90 a respeito desse jogo. Tentamos levá-lo a escolas e bibliotecas – era bastante difícil naquela época. Então não é por mim. Mas não sou da polícia da pureza, acredite. Eu me preocupo com o impacto do produto...

Clubbingbabyseals: Quais são seus planos para o futuro próximo? Você planeja continuar com o Drizzt até tirar o máximo dele, ou você o aposentará futuramente? Também, quais as chances de vermos uma série de quadrinhos com Drizzt ou Ártemis/Jarlaxe?

Salvatore: Hehehe. Eu acho que escreverei a respeito de (tirar o máximo???!!!!) Drizzt até me cansar dele, o que não acontecerá logo, acredito, ou até as pessoas pararem de ler sobre ele, o que também espero que não aconteça tão cedo! E quanto ao que vem por aí, espero ir e voltar entre a série sobre o Drizzt e os livros de Ártemis/Jarlaxe. Também estou considerando um livro a respeito do Jarlaxe e do Zaknafein de volta em Mezoberranzan. Também, quando escrevo os livros do Drizzt, espere pequenas histórias sobre Ártemis/Jarlaxe nas antologias dos “Reinos de...”, e quando escrevo livros sobre Ártemis/Jarlaxe, e vice-versa. Quanto aos quadrinhos, você terá que perguntar à Wizards of the Coast.

Wizo_dabus: Eu tenho a impressão de que ninguém se cansará dele tão cedo já que você continua a aparecer na lista dos mais vendidos do New York Times! Também gostaria de dizer obrigado a você, acho que os cenários de jogo estão chegando cada vez mais do que elas imaginam às mãos das pessoas e talvez algum dia eles se tornem jogadores também.

Salvatore: Obrigado, Dabus. O mais engraçado é que os livros de Drizzt parecem estar se tornando MAIS populares. É muito estranho, mas o número das listagens estão crescendo, não diminuindo – graças à Wizards of the Coast! No último ano, vendemos mais ou menos dois livros do Drizzt por minuto – é realmente uma loucura!

Wizo_dabus: UAU!

Lord_fzoul: Só queria dizer que você respondeu minhas perguntas por completo, RAS, a respeito dos seus outros planos assim como será o futuro dos livros.

Marcusbespin: O primeiro livro seu que li foi Primeiro Vetor, e eu tive que tentar os Reinos Esquecidos. Agora é tudo o que leio, então minha pergunta é quando o filme vai sair?

Salvatore: O filme de Primeiro Vetor?

Marcusbespin: Não, do Drizzt.

Salvatore: Não tenho a menos idéia, mas eu adoraria ver!

Silverdragon7: Primeiramente, seus livros são fantásticos e eu amo lê-los! Nunca pare!! Agora, qual personagem dos livros do Senhor dos Anéis é seu favorito e o que você achou do filme?

Salvatore: Meu favorito sempre foi Passolargo – e eu AMEI aquele filme! De verdade! Eu o vi três vezes nos primeiros quatro dias e mal posso esperar para ver o próximo. Quando a Galadriel olhou para o Frodo do canto dos olhos, quase desmaiei. Cate Blanchett foi perfeita para aquele papel.

Silverdragon7: Bem falado. ? Obrigado.

Asarond: É tão difícil construir um mundo de fantasia – quero dizer, é melhor escrever no mundo de alguém? Estou escrevendo um livro nos Reinos Esquecidos e não sei se é melhor escrever no meu próprio mundo. Espero que seja tão bom quanto A Estilha de Cristal quando você o enviou para a TSR. Também, veremos algum outro confronto entre Drizzt e Ártemis? E você tem minha benção para uma história do Jarlaxe e do Zack!!

Salvatore: Desculpe dizer isso, mas acho que seria melhor escrever no seu próprio mundo. Aqui está o porquê: se você escrever um livro nos Reinos Esquecidos, o único lugar para o qual você pode vendê-lo é para a Wizards of the Coast, e não tenho certeza se eles vão sequer olhá-lo. Se você cria seu próprio mundo, você pode enviar seu livro para várias editoras. Quanto a Drizzt e Ártemis, não tenho certeza. Acho que a única vez na qual Ártemis veria Drizzt seria quando Ártemis estivesse morrendo. Posso ver o assassino à beira da morte vendo Drizzt e lançando um olhar de raiva para Jarlaxe.

Marcusbespin: Então, nunca poderemos esperar você e Ed Greenwood trabalhando juntos – talvez Drizzt e Elminster?

Salvatore: Eu duvido - apenas porque prefiro trabalhar sozinho. Escrever é algo muito pessoal para mim. O único autor com o qual considerei trabalhar foi Terry Brooks – falamos um bocado sobre isso, na verdade. Poderia nos ver fazendo... talvez o último filme da Guerra nas Estrelas juntos, se fosse oferecido. Tendo dito isso, amo editar outros caras – eu tenho que superar pessoas como Thomas!!!

Marcusbespin: Ok, obrigado! E Também, amei Sea of Swords (Mas de Espadas).

Cathziel: Se fosse feito um filme sobre o Drizzt *esperança esperança* que ator você gostaria que interpretasse nosso elfo negro favorito?

Salvatore: Oh, cara, sempre tenho medo dessa pergunta… Eminem? Hehehe, mas sério, acabei de ver 8 Milhas e ele é bem intenso. Acho que eles encontrariam alguém novo para o papel. Há uns anos atrás, vi Máscara do Zorro e Antonio Banderas teria sido perfeito. Mas acho que ele está muito velho agora.

Cathziel: Posso imaginar um artista de rap correndo com duas cimitarras rodopiantes. O.O

Salvatore: E o cara que fez o Legolas na Sociedade do Anel?

Cathziel: Orlando Bloom?

Salvatore: É, ele serviria.

Silverdragon7: Se você fizer um filme, nunca chame Eminem. :)

Salvatore: Bem, eu jamais teria a chance de chamar ninguém. Eu apenas ficaria nas laterais, rindo como um gato Cheshire.

Gilius24: Spine of the World (Espinha do Mundo) foi uma grande representação da luta do Wulfgar para recuperar sua sanidade. Por que Drizzt não ganhou um nível de mago já que ele estudou nas artes na academia dos guerreiros?

Salvatore: Obrigado pelo comentário sobre A Espinha do Mundo – quando lancei esse livro, eu sabia que metade das pessoas amaria de verdade e metade odiaria de verdade. Não há meio termo nisso!

Gilius24: Eu acho esse livro maravilhoso.

Salvatore: Pesando isso, pesando aquilo – vocês têm que lembrar que os primeiros livros foram escritos quando a 1ª edição de AD&D estava em vigor, os livros intermediários foram feitos durante a 2ª edição e agora estamos na 3ª. Quero dizer, Drizzt (Wulfgar na verdade) matou um dragão – eu recebo mais cartas reclamando que tal coisa seria impossível por causa do Nível de Desafio! Então deixo os pobres designers do jogo se preocuparem com o nível correto dos personagens. Eu apenas escrevo histórias.

Gorik: Eu apenas queria dizer como gostei do modo com o qual você fez os orcs atacarem múltiplas vezes no final dos Mil Orcs e Pikel foi ótimo.

Salvatore: Oo oi!

Gorik: Falando a respeito da Espinha do Mundo, eu gostei daquilo. Também por causa do Cadderly nos livros do Drizzt eu comecei a ler o Quinteto do Clérigo. Gostei do Cântico também.

Salvatore: Bem, vamos para as Guerras do Demônio agora!

Gorik: Pensando sobre isso.

Asanrond: As Guerras do Demônio é bem mais intenso que os livros do Drizzt.

Salvatore: Sim, mas ela não tem o Drizzt!

Asanrond: Sim! Você vai escrever um livro com Andacanavar? Drizzt com Aydrian algum dia?

Salvatore: Na verdade, Andacanavar é o protagonista dessa nova série de quadrinhos mensal. Scott Ciencin (Ex-escritor dos Reinos Esquecidos) está fazendo coisas incríveis com ele! Eu adoraria ver o bom e velho Drizzt encontrar Marcalo De’Unnero, pessoalmente. Então duvido que eu usarei Andacanavar em um romance – ele está sendo bem explorado nos quadrinhos. Ele também está em “Immortalis”, que chega nessa primavera – um papel bem maior.

Asanrond: Eu também!! De’Unnero diabólico!

Thomas: Já que fui recrutado nessa terça de noite, quero que você jogue suas duas cartas na manga: se você gostou da sua mudança de papel na série da Guerra da Rainha Aranha e qual foi a parte mais memorável desse papel?

Salvatore: Minha mudança? Que mudança?

Thomas: Tipo, um observador criativo ao invés de escritor.

Salvatore: Você quer dizer meu novo papel como editor? Ah, tem sido demais, honestamente.

Thomas: Exatamente, apesar de você ter dito isso mais delicadamente ;-)

Salvatore: O momento mais memorável, acho, foi quando você me agradeceu na Gen Con por te encher. Eu tinha medo das pessoas me odiarem, pois estou sendo realmente um idiota a respeito de certos detalhes. De qualquer forma, é animador saber que os autores, como eu apenas querem torná-la tão boa quanto eu!

Silverdragon7: Você joga algum jogo de computador tais como Warcraft3 ou EverQuest em qualquer tempo livre que você tenha?

Salvatore: Oh, claro – eu estava experimentando o novo Asheron’s Call antes de vir para cá. Eu jogo todos... EverQuest já existe há alguns anos agora, mas eu não gosto do final do jogo. Eu tentei Ultima, mas preciso de visão de primeira pessoa.

Silverdragon7: Legal ? Tenho um paladino nivel 64 no EQ ;P Eu o adoro!

Salvatore: 64! Nossa, arrume um emprego hein? Brincadeira!

Grimmlokk: Desculpe por trazer o assunto de volta mais uma vez. Na sua opinião, por que Ártemis Entreri é um personagem tão popular com os fãs? O que faz dele tão bom de escrever? Você esperava que ele se tornasse mais do que um vilão de dois livros derrotado pelo Drizzt quando você o criou pela primeira vez?

Salvatore: Não tenho certeza do que fez tanta gente gostar dele, mas sim, ele é popular. Agora que ele está com Jarlaxe, ele é ainda mais popular. Não creio que ele seja bi-dimensional, e os leitores vêem isso. Há camadas no Entreri – se ele fosse apenas uma máquina de matar, por que se importariam com ele? Ele realmente se tornou mais difícil de escrever agora, porque sei que as pessoas estão prestando atenção! E não, jamais esperei isso.

Marcusbespin: Quanto tempo leva normalmente para você pensar, escrever e publicar seus livros dos RE? Quanto tempo até eu poder ler o Drow Solitário? Eu acabei de ser convocado por 7 meses com meus amigos marinas e tenho que te agradecer. Seus livros me ajudaram nos tempos chatos.

Salvatore: Bem, primeiramente, deixe-me agradecê-lo – acho que estamos todos apreciando os militares um pouco mais agora!

Marcusbespin: O prazer é todo meu.

Salvatore: Um livro do Drizzt leva por volta 4 meses para ser escrito (apesar de eu ter escrito O Legado em apenas seis semanas!). Eu entregarei o Drow Solitário em janeiro – então levará um mês mais ou menos para editá-lo. Ele sairá em setembro ou outubro do ano que vem. As Guerras do Demônio estavam levando 7-8 meses, pois elas eram maiores e mais complexas, com muitos, muitos personagens e histórias.

Grimmlokk: Só queria agradecer por você usar seu tempo para conversar com os fãs! Seu trabalho é ótimo, continue assim!

Salvatore: O prazer é meu, obrigado.

Clubbingbabyseals: Você despedaçou completamente a idéia para um livro/aventura/capítulo? Se o fez, qual foi seu erro trágico? E também, você tem algum trabalho totalmente amador que você fez no ensino médio ou faculdade escondido em uma caixa debaixo do colchão? Um deles vai aparecer?

Salvatore: Não, eu não fiz e não pretendo. Quando decidi tentar me lançar na escrita, escrevi um livro intitulado Ecos da Quarta Mágica. Esse livro, depois de anos de revisão (e algumas rejeições) me levou à audição para A Estilha de Cristal. Eu realmente tenho algum trabalho do ensino médio e da faculdade – está no meu arquivo na biblioteca da Universidade de Fitchburg em Massachusetts.

Fenmarel_ilesere: Falando a respeito da saga das Guerras do Demônio, tenho dado uma procurada por ela aqui em casa mas parece que não posso encontrá-las. Quais os nomes dos livros, assim posso comprá-los online ou algo assim? Se eles forem metade do que seus outros livros que li são tenho certeza de que os amarei!!!

Salvatore: O primeiro livro nas Guerras do Demônio é O Demônio Acorda, então temos o Espírito do Demônio, O Apóstolo do Demônio, Mortalis (o meu favorito deles todos), Ascendência, Transcendência, e, chegando nessa primavera, o último dos sete, Immortalis. Depois disso, voltarei ao mundo, mas usando personagens diferentes em épocas diferentes. Eles estão todos para ser impressos, então você não deve ter problemas em consegui-los.

Gilius24: Com os amigos de altos níveis de Drizzt, por que ele não faz um favor para um mago de alto nível em troca de dois desejos? Então ele poderia trazer seu pai de volta dos mortos e das mãos da Rainha Aranha. Tudo é possível com mágica.

Salvatore: Coisas como desejo e ressurreição tornam tudo muito fácil – elas são ótimas para o jogo, mas não para os romances. Tentei lidar com isso usando o Cadderly no Quinteto do Clérigo.

Gilius24: Obrigado por seu tempo!

Adam942: Eu estava pensando em como Zak enganou Drizzt com um globo de escuridão, quando eles usaram o espectro infravermelho, ou os fatos estão incorretos?

Salvatore: Eles podem estar corretos, mas isso não importa, já que globo de escuridão é impenetrável até mesmo pelo infravermelho. Os globos funcionam em ambos os espectros.

Wizo_randal: E com isso, esse é o fim da sessão de Perguntas e Respostas. Sr. Salvatore, você tem comentários finais?

Salvatore: Bem, obrigado por vir. Eu espero que vocês estejam gostando da continuação da saga do Drizzt e seus amigos. Eu com certeza estou! Também, espero que vocês dêem uma olhada no novo quadrinho das Guerras do Demônio – e essa série, se você não o tiver feito. E por favor, dê uma olhada em www.rasalvatore.com quando puder – estamos trabalhando duro para fazer dele um ótimo lugar para leitores de fantasia!

Wizo_randal: Muito obrigado por vir aqui e nos agraciar com sua presença.



Para ver esta e outras publicações de romances vá para nossa seção de suplementos - romances.

Os Últimos Dias de Glória © Todos os direitos reservados 2004 - Forgotten Realms™ e seus personagens são marcas registradas da Wizards of The Coast Inc.
This page is a fan site and is not produced or endorsed by Wizards of the Coast. Forgotten Realms is a registered trademark of Wizards of the Coast, Inc.