Os Últimos Dias
de Glória
O que é RPG
Página Principal
A Comitiva da Fé
Definição
Histórias
Última História
Personagens
Jogadores
Galeria de Arte
Diversos
Forgotten Realms
 Definição
 Geografia 
 Divindades
 O Mundo
 Organizações
 Personagens
Artigos
 Galeria
Suplementos
Autores
Site
 Matérias
 Downloads
 Notícias
 Parceiros
Links
 Sobre o Site
 Glossário
 Créditos
Mensagens Arcanas
E-mail


powered by FreeFind

A Linha de Tempo da Comitiva da Fé
 

Todas as datas são baseadas no Cômputo dos Vales(CV). O emergente Calendário Atual(CA) estabelece o Tempo das Perturbações - 1358 - como 0 CA.

1234 •Nasce o príncipe Kariel Elkandor de Kand.
1340 •Nasce Kelta Westingale.
1354

•Feargal Rahl e Kelta Westingale,  recém-aventureiros,  vão ao reino de Thay e recuperam a espada encantada Hadrylis para a bruxa de Rashmen Lady Yhelbruna.

1355 •Após libertarem o anão Gunthor em Menzoberranzan,  um grupo de aventureiros formado por Feargal Rahl,  Kelta Westingale,  o elfo negro Nandro Do'Urden,  a elfa Sofia,  Saja e o halfling Bupy viajaram para as Ilhas Moonshae.  Lá ajudaram a Rainha Robyn Kendrick a resgatar o seu marido,   o Rei Tristan Kendrick,  que fora seqüestrado por trolls marinhos.   Durante esta missão os aventureiros estiveram na ilha Encontro Eterno,  lendário lar de antigos elfos e,  mesmo sendo recebidos com hostilidade,  conseguiram em empréstimo uma embarcação encantada que permitiu aos heróis mergulharem no mar para o resgatre do Rei Tristan.

•Kantras e Junthor,   respectivamente filhos de Saja e Sofia com o pirata Nord Laife nasceram no final deste ano.
1356 •O grupo de aventureiros,  no Vale das Sombras,  decide ir a Myth Drannor para tentar erradicar a presença de demônios no local,   entretanto percebem de uma forma drástica que para eles é quase impossível realizar tal feito,   resultando na morte de Sofia.

•Os heróis participam das batalhas em Manto das Neves contra os Zhents.   Este foi o primeiro contato dos heróis dos Últimos Dias de Glória com os luanos na campanha.

•Brandon,  o Mestre das Batalhas, convence os aventureiros a invadir catacumbas para procurar itens mágicos.  Então vão ao famoso Salão do Martelo,  mas não tiveram êxito.   Lá mesmo,  no norte de Cormyr,  eles encontram um gif chamado Blotamus com seu spelljammer.  Blotamus os contrata para companhá-lo durante uma viagem pelas estrelas.
1357 •Durante alguns meses, os heróis, acompanhando Blotamus singraram o espaço sideral passando por lugares como a Pedra de Braal,  e enfrentaram piratas espaciais liderados por devoradores de mente.

•Ao retornarem para Toril,   Feargal e Kelta são transportados a outro plano de existência,   a um mundo chamado Karameikos.
1358

•Um grupo de aventureiros de nome "A Companhia do Homem Morto",  vindos do futuro,  1370 especificamente (ver referência em 1370 CV),   percebem que um acidente mágico os jogou no ano de 1358 CV.   Este grupo era formado por Kelta Westingale (já mais velho),  o ranger Iorek,  a arcana e harpista Glinda,   o bardo Slayne Coração de Corvo,  o mago Garth e o elfo Arthos Fogo Negro.  Eles se unem a Kelemvor Lionsbane,  Adon de Sune, a maga Midnight e o guerreiro Cyric e passam a se chamar de "Comitiva da Fé".

•Com a missão de procurar as Tábuas da Fé concebidas pelo Pai dos deuses Ao, a Comitiva da Fé destrói Bhaal,   deus do assassinato,  e Myrkul, deus da morte,  na época conhecida como O Tempo das Perturbações.   Ao derrotar este último,   Cyric trai o grupo e consegue entregar as Tábuas da Fé na Escada Celestial,   tornando-se assim um novo deus.  Midnight se torna a nova Mystra.

•Os efeitos do acidente mágico cessam depois de alguns meses,  portanto,  a Arte devolve os aventureiros para a sua época original,  com excessão do mago Garth,  cujo evento causou um paradoxo na sua origem.

•Feargal e Kelta (do presente) retornam a Toril.

•Villayette escapa da Montanha Subterrânea

1359

•Feargal e Kelta resolvem viajar novamente e chegam em Suzail,   capital de Cormyr.  Kelta conhece a jovem Coral e ambos tornam-se alunos do mago Terrapin Treeworm na Abadia de Mystra.

• Feargal, ao adentrar nos Vigilantes dos Dragões conhece a guerreira Salmão.

1360 •O heróis vão a Águas Profundas,   a Cidade dos Esplendores,   porém são capturados pela guilda de Xanathar e presos na Montanha Subterrânea.   Unidos ao elfo Kariel Elkandor, escapam do labirinto e até destróem alguns beholders.  Através do feito, eles ficam conhecendo o Lorde da cidade, Piergeiron,  o arquimago Khelben "Bastão Negro" Arunsun e o guerreiro Widon.

•No intuito de conseguir um ingrediente para uma poção mágica para transformar novamente em carne a elfa Rena,  irmã de Kariel,  vítima de um encanto de petrificação,  os heróis lutam contra uma górgona na Montanha Subterrânea e Salmão morre fatidicamente.  Dias depois,  na cidade élfica de Kand,  eles desfazem o feitiço aplicado sobre a donzela.

•De volta a Águas Profundas,  Feargal Rahl é condenado à chicotadas por agredir a Matriarca da igreja de Tyr,  devido a comentários racistas por parte da sacerdotisa.  Feargal perece por não agüentar a pena que lhe é aplicada. Eles são expulsos da cidade e partem.

•No círculo druídico da Floresta Alta ocorre o casamento de Kelta e Coral,  e de Kariel com a druida Ênia.
1361 •Ao voltarem para Cormyr,  os aventureiros são apresentados ao lendário Rei Azoun IV (que no ano anterior matou o líder tuigan Yamun Kahan na Guerra da Horda) por seu mago real Vangerdahast.  O Rei os solicitou para uma missão secreta que consistiu na recuperação de alguns itens reais encantados,  que o ajudaram na guerra dos povos de Cormyr e dos Vales contra o povo do Mar da Lua.

•O grupo recupera a espada mágica de Azoun,  Albruin,  em Forte Zhentil e confrontam os Cavaleiros Negros de Cyric na Torre Flamejante.

•A maioria dos heróis se muda definitivamente para o Vale das Sombras. Kariel,  para defender os elfos de uma perseguição patrocinada pela igreja comryriana de Tyr contra os de sua raça,  vai para Forte Zhentil e lidera os elfos luanos contra os humanos de Cormyr.
1362 •Através das recomendações de Vangerdahast,  Kelta Westingale começa a receber ensinamentos esporádicos de Elminster,  o sábio.  Coral faz parte do círculo druídico do Vale das Sombras do qual Saja já é uma grande druida.
1368

•Ao chegarem ao Templo dos Elementos,  um grupo de aventureiros formado por Kelta Westingale, o ranger Iorek,  a druida Adhsarta, o elfo Elder Villayete,  o drow Nandro Do'Urden,  Feargal Rhal (ressucitado por meios místicos) e o explorador Marco Volo encontram um spelljammer que os leva ao passado,  na época da queda de Netheril.  Quando conseguiram voltar para o presente,  confrontaram uma aliança maldita composta pelos Zhentarim comandados por Manshoon,  alguns drows liderados por Uteghentel Barrison Del'Armgo e beholders no Templos dos Céus. Depois foram ao espaço,  onde participaram de uma guerra contra dragões estelares.

• Com o fim da perseguiçào aos elfos no Norte de Cormyr,  Kariel retorna de Forte Zenthil e une-se ao grupo.

•De volta a Toril,  ocorre a batalha definitiva contra os Cavaleiros de Cyric,  resultando na morte de Gunthor e na destruição do Templo dos Céus.

1369 •Para vingar a morte de alguns companheiros,  o grupo decide ir a Forte Zhentil para matar o suposto líder dos Zhentarim,  o misterioso Manshoon.  É então que surgem William Magnus, o paladino de Helm,  o elfo Axel Fogo Negro,  e a elfa Raven Mohr que retorna ao grupo.  Eles lutam contra Dryllisa,  um assecla do líder Zhentarim,  e durante a batalha Sememmon controla Feargal e o faz matar Raven.  Através de Uteghentel,  os heróis escapam dos vilões e encontram o banelich Stallac Benadi que diz saber um meio de derrotar Manshoon.  Nas catacumbas,  o elfo Kariel é brutalmente mutilado,  perdendo seu braço esquerdo.  Ao retornarem para a superfície do Forte Zhentil,  eles são massacrados por Manshoon, embora conseguindo escapar com vida.
Fzoul Chembryl organiza,  em segredo,  um ritual de sacrifício de vários elfos para o novo deus Iyachtu Xvim. Os heróis ficam sabendo disso através de Widon e então partem para as ruínas do Forte Zhentil para enfrentar o Tirano Filho de Bane.  Eles conseguem libertar os elfos e Fzoul desaparece durante o combate.

• Widon morre lutando contra o dragão branco Beréia e Kariel resolve percorrer os Reinos em busca da recuperação de seu braço perdido.
1370 •Os aventureiros expulsam os drow da casa Milithor que preparavam uma invasão ao Vale das Sombras.  Une-se ao grupo Marlus "Garth"Radamon.
No encalço dos lendários artefatos mágicos conhecidos por As Quatro de Cormyr,  o grupo confronta Vorik Aris,  o herdeiro de Gondegal, e conseguem redimir os espíritos dos soldados conhecidos como Os Espadas Destruidores de Estrelas perante as imagens de Helm e Torm.

•No caminho para a cidade de Arabel,  ocorre uma distorção na Arte, provocada pelo confronto dos aventureiros com um bruxo chamado Zanzer. Essa distorção envia acidentalmente os heróis para 1358 CV,  o Tempo das Perturbações.
1371 •Vorik Aris se alia aos senhores das trevas denominados de Nefários e comanda uma legião de goblinóides que invade Cormyr. Riversong,   o lendário dragão wyrm vermelho se aproveita da situação e entra em combate com o Rei Azoun e sua filha Tanalasta,   todos os três morrem.

•A Comitiva da Fé retorna do passado,   a excessão de Garth,   e é convidada por Elminster para serem recebidos no palácio real de Velprintalar,  capital de Aglarond,  pela rainha Simbul. É descoberto um plano diabólico encabeçado pelo Zulkir Aznar Thrul,  um Mago Vermelho,  que consistia na destruição de Rashmen com golens indestrutíveis.

•Após muitas batalhas a Comitiva desfaz o encantamento dos golens e os planos dos magos vermelhos Thrul e Nevron.

•Lá mesmo em Thay,  a Comitiva impede um ritual diabólico do Zulkir Szass Tam para controlar o Lorde Abissal Eltab. Este último foi destruído pela Comitiva.

•Sabendo da situação que se passava em Cormyr,  a Comitiva ruma para lá, ansiando participar da guerra e salvar os inocentes.
1372

•A Comitiva da Fé se junta ao exército cormiriano e confronta Vorik Aris e sua legião em Amir Ibicus.

•Xvim avisa em sonhos ao seu Sumo Sacerdote Fzoul Chembryl que um evento semelhante ao Tempo das Perturbações está para acontecer e instrui o líder Zhentarim a reunir secretamente as maiores autoridades e os seguidores mais fiéis da religião xvimlar na catedral no Forte Zhentil,  em poucos dias.   No dia programado da cerimônia,   Xvim aparece pela primeira vez aos seus fiéis,   mas algo inesperado acontece,  o deus sombrio sente alguns espasmos e de dentro dele sai a figura majestosa de Bane,   agora ressucitado.   Bane recupera seus poderes e Xvim retorna à condição de semi-deus,   fugindo para outros refúgios.

•No Pandemônio,  Cyric o Príncipe das Mentiras fica preocupado com o retorno de Bane e descobre que o deus da destruição tem um grande segredo de algo no norte de Faerûn.

•É dada a missão a Comitiva da Fé de levar o artefato dos elfos chamado A Espada do Rei na cidade de Evereska para que ela seja desmontada,  pois Aris está em seu encalço.

•Cyric,  bastante enfraquecido nos últimos dois anos por ter sua influência abalada por Fzoul Chembryl,  que matou quase todos os seus Sumos Sacerdotes do Mar da Lua,  é emboscado por Bane perto da Fortaleza Negra de Sememmon.  O deus da destruição é mais forte e vence o combate, mas ao invés de matar Cyric ele absorve sua essência divina e reduz o Príncipe das Mentiras a um mortal novamente.  A Comitiva da Fé encontra Cyric,  e só não o mata porque Elminster os convence de que ele sabe de um grande segredo de Bane.

•Em Evereska,   antigos elfos revelam que existe um artefato chamado a Orbe de Ogor, que pode transformar um mortal num deus.  Então, eles partem em busca do artefato para evitar que mãos maléficas o possuam.

•Prestes a conseguir a Orbe,   a Comitiva destrói o semi-deus Xvim.

•Érix,   o antigo deus patrono dos humanos é libertado pela Comitiva de sua prisão num vulcão.

•Cyric é morto por Iorek ao tentar tomar a Orbe do grupo.

•A Comitiva enfrenta Bane e a Orbe é entregue ao deus Helm em Águas Profundas. Diana e Feldin morrem nesse dia.

•Um mês depois,  a Comitiva, formada por Villayette,   Kariel e Magnus,  aliada a Laurin e Giordano,  partem para o Abismo,  e libertam a deusa Waukeen e Eleannor,  esposa de Elder Villayette.

•Em nova aventura,   este grupo vai ao Vale do Vento Gélido e enfrenta o lich Damien Morienus.   Eleannor morre em combate.  Perseguindo Morienus na Masmorra da Morte,  a Comitiva descobre um plano dos demônios para invadir Faerûn e os impedem. Neste episódio morrem Villayette e Feargal.

 

Os Últimos Dias de Glória © Todos os direitos reservados 2004 - Forgotten Realms™ e seus personagens são marcas registradas da Wizards of The Coast Inc.
This page is a fan site and is not produced or endorsed by Wizards of the Coast. Forgotten Realms is a registered trademark of Wizards of the Coast, Inc.